Fanzine Brasil

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

IGGY POP: O GÊNIO INDOMÁVEL DO ROCK AND ROLL:

Por: Vannucchi

O que, afinal, é o Rock And Roll? Como podemos defini-lo? Alguns dizem que é absolutamente tudo. Outros dizem que é liberdade. Alguns afirmam que é rebeldia, ou que é apenas barulho. Qualquer definição que o Rock And Roll possa vir a ter, esta foi representada por Iggy Pop. O músico incorporou todo o espírito do Rock durante sua carreira. Ele foi absolutamente tudo! Criou álbuns que soam distintos uns dos outros, tendo sido versátil, representou a liberdade quando não se importou com críticas e julgamentos, vivendo dentro de sua insana e poética natureza, foi rebelde quando rompeu paradigmas e demonstrou sua fúria, e fez muito barulho. Iggy Pop é uma lição sobre a essência do Rock And Roll. Sua energia vital e sua maneira de conduzir seus shows serviram de influência para milhares de cantores e bandas póstumas. Por mais que ele possa ser odiado, ele merece reconhecimento. De um garotinho tímido e quieto que foi em sua infância, tornou-se um furacão que se alastrou pelo mundo todo. Com apoio de David Bowie, cresceu cada vez mais como músico, tendo se destacado com os The Stooges, e também em sua carreira solo, na qual deixou legados elogiáveis como “The Idiot”, “Lust For Life”, “Beat 'Em Up”, “Avenue B”, entre outros. Se você, leitor, ainda não se deu ao luxo de mergulhar no som de Iggy Pop, anote os nomes dos álbuns mencionados logo acima, e manda bala!

* Texto anteriormente publicado no site Whiplash.




 

0 comentários:

Postar um comentário

TwitterFacebookRSS FeedEmail